quarta-feira, dezembro 29, 2010

TOP 2010

Bem-vindo(a) à edição 2010 da grande "festa" do Rock em Análise! Exageros à parte, esta é simplesmente a minha "listinha" dos melhores álbuns e músicas do ano, além do tradicional prêmio dos piores...

Não farei tanta cerimônia de introdução como nas outras "edições", mas os tradicionais comentários sobre cada álbum falarão por si. Então, vamos lá!

Top 10 - Álbuns:

1. Stone Temple Pilots (Stone Temple Pilots)
Comentário: A tão aguardada volta do Stone Temple Pilots impressionou os fãs, além de trazer este que pode ser considerado um dos melhores - senão o melhor - trabalho do grupo! Muito bem definido e coeso, através de um rock 'n' roll "retrô" bastante gostoso de escutar, "Stone Temple Pilots" é uma das obras primas da banda!

2. Sea of Cowards (The Dead Weather)
Comentário: O grupo de "garage rock" liderado pelo gênio Jack White, lançou um álbum bastante promissor em 2009. Apenas um ano depois, o grupo retorna com um trabalho que mostra um som bem mais seguro, corajoso, direto, cru e espontâneo. A magia do rock se fez presente durante o processo, e o resultado beirou a perfeição!

3. All Night Long (Buckcherry)
Comentário: Com poucas mudanças em sua sonoridade, é incrível como o Buckcherry realmente não precisa ousar demais, visto que a banda continua afiadíssima e arrepiante, como se fosse formada por integrantes eternamente jovens, e com muita lenha pra queimar. Isso é rock 'n' roll!

4. The Suburbs (Arcade Fire)
Comentário: O Arcade Fire se consagrou no grande universo "indie rock" com a sonoridade peculiar dos seus primeiros álbuns, mas foi com "The Suburbs" que o grupo encontrou o seu som ideal. E que venham mais trabalhos nessa linha!

5. Scream (Ozzy Osbourne)
Comentário: O nosso querido velhinho Ozzy Osbourne ainda não está gagá! Acreditem, "Scream" mostra um artista que não se contenta com pouco, e que tenta se manter como um dos maiores nomes do heavy metal.

6. Below The Belt (Danko Jones)
Comentário: Após uma investida falha em um som mais comercial, o Danko Jones retorna àquele som nervoso que todos nós amamos. O resultado é um álbum inspiradíssimo e tão bom quanto os primeiros...

7. Ironwood (Hogjaw)
Comentário: Em seu segundo álbum, o Hogjaw mostra que não é uma daquelas bandas que se contenta em fazer sempre o mesmo som, mas também mostra que sabe utilizar muito bem as mudanças de sonoridade, sem perder um pingo da sua adorável essência "southern rock". Confiram sem medo!

8. Thank You Mr Churchill (Peter Frampton)
Comentário: Peter Frampton está de volta ao bom rock! Calma, este ainda é um trabalho maduro, moderado, e um tanto ousado, mas sejamos sinceros: as boas e velhas guitarras e a atitude rocker do Sr. Frampton estavam mesmo fazendo falta...

9. Order of the Black (Black Label Society)
Comentário: Outro gênio da atualidade, Zakk Wylde mostra em seu novo trabalho que consegue tirar excelentes musicas da cachola, ainda que hoje tente cantar mais ao estilo do seu velho mentor Ozzy Osbourne...

10. Aqua (Angra)
Comentário: Esqueça o velho papo de que power metal "é tudo a mesma coisa", e prepare-se para escutar mais um ótimo álbum de uma banda que ainda deveria ser levada a sério pela maioria dos metaleiros ao redor do Brasil. Preste atenção nas sutilezas de "Aqua", e curta a viagem...


Top 10 - Músicas:

1. It's a Party (Buckcherry)
2. I Wanna Break Up With You (Danko Jones)
3. The Great Divide (Black Country Communion)
4. Between the Lines (Stone Temple Pilots)
5. Die By The Drop (The Dead Weather)
6. Shake Your Money Maker (Foghat)
7.
Let Me Hear You Scream (Ozzy Osbourne)
8. The Catalyst (Linkin Park)
9. Awake From Darkness (Angra)
10. Solution (Peter Frampton)

Prêmios Framboesa (piores do ano):
Pior álbum: Covered in Guns (L.A. Guns)
Pior música: Melhor (Capital Inicial)





Álbuns escutados:

Mechanize (Fear Factory)
Of the Blue Colour of the Sky (OK Go)
Contra (Vampire Weekend)
Hoodoo (Krokus)
Sting in the Tail (Scorpions)
No Guts. No Glory. (Airbourne)
Slash (Slash)
Thank You Mr. Churchill (Peter Frampton)
Infestation (Ratt)
Trans-Continental Hustle (Gogol Bordello)
When Moonshine and Dynamite Collide (Jackyl)
Below The Belt (Danko Jones)
Stone Temple Pilots (Stone Temple Pilots)
Sea of Cowards (The Dead Weather)
Scream (Ozzy Osbourne)
Last Train Home (Foghat)
100 Miles from Memphis (Sheryl Crow)
Música de Brinquedo (Pato Fu)
All Night Long (Buckcherry)
Order of the Black (Black Label Society)
Ironwood (Hogjaw)
Aqua (Angra)
The Final Frontier (Iron Maiden)
Das Kapital (Capital Inicial)
Generation Wild (Crashdiet)
Blood of the Nations (Accept)
Brothers (The Black Keys)
Hurley (Weezer)
Nightmare (Avenged Sevenfold)
Congratulations (MGMT)
The Suburbs (Arcade Fire)
Interpol (Interpol)
O Céu É o Hell (Baranga)
Postcards from a Young Man (Manic Street Preachers)
Bachman & Turner (Bachman & Turner)
Black Country (Black Country Communion)
Who We Touch (The Charlatans)
Covered in Guns (L.A. Guns)
A Thousand Suns (Linkin Park)
Come Around Sundown (Kings of Leon)
Rock Dust Light Star (Jamiroquai)
Soulsville (Huey Lewis & The News)
The World is Yours (Motörhead)
The Words You Don't Swallow (Anarbor)
Freedom Rock (H.E.A.T.)
Volume Two (She & Him)
Eu Humano (O Círculo)
Discipline Of Hate (Korzus)
Superguidis (Superguidis)
Innerspeaker (Tame Impala)
AB III (Alter Bridge)

Nenhum comentário: