quarta-feira, maio 26, 2010

Quem é Você? (Camisa de Vênus)

Quem é Você? (Camisa de Vênus)
Por Fábio Cavalcanti

O cenário musical brasileiro dos anos 80 foi bastante benéfico para o rock, visto que tal estilo se tornou uma febre durante boa parte da década. Mas, ainda que o rock estivesse na moda, a rara banda soteropolitana Camisa de Vênus trouxe um som recheado de atitude, acidez, e um leque de influências que iam além da new wave e do pós-punk - estilos esses que ainda dominavam o rock nacional oitentista.

Após quatro álbuns de estúdio - além do lendário ao vivo "Viva" -, o Camisa de Vênus encerrou as suas atividades, antes de entregar um trabalho que corrigisse os erros do "grandioso" e entediante "Duplo Sentido" (1987). Em meados dos anos 90, eis que a banda retoma suas atividades, e lança o excelente "Quem é Você?", seu melhor trabalho!

Lapidando de vez o seu estilo, calcado em rocks energéticos e algumas baladas reflexivas, a trupe liderada pelo vocalista Marcelo Nova conseguiu entregar verdadeiras pérolas do rock nacional, com uma produção realmente "roqueira" (finalmente!), e um balanço impecável na track list.

Entre os rocks, na melhor tradição do 'Camisinha', temos a visceral "Quem é Você?", a gostosa "Seu Jeito de Olhar", o rockabilly safado "O Ponteiro tá Subindo", e a pesada "Bem Vinda ao Meu Pesadelo", além de outros pontos altos como "E se Eu Chegar?", "O Poder" e "Forças Ocultas".

Destaque ainda mais especial para duas faixas bastante engraçadas: a dançante e "nordestina" "Radinho de Pilha" (cover de Genival Lacerda), e o blues rock grudento "Essa Linda Canção". Diversão garantida!

Entre as baladas, nada de exageros melosos ou bregas, o negócio aqui é um conjunto de faixas que possuem os requisitos necessários para chamar a atenção de qualquer roqueiro dito "maduro" (ou baladeiro mesmo). São elas: "Não sou Passageiro", "Eu vi o Futuro", "O Mal Que Habita em Mim", e "Esperando um Milagre". Classe A!

No final das contas, entre acertos e mais acertos, o único ponto fraco do álbum fica por conta do desnecessário cover de "Don't Let me Misunderstood" (Nina Simone, The Animals, entre outros). Obviamente, nada que prejudique o resultado final de forma significativa, pois ainda temos aqui um álbum que merecia estar entre as obras mais clássicas do rock brasileiro.

E como diriam os fãs fervorosos do Camisa de Vênus: "Bota pra fudê!"

Nota: 9

Músicas:
1. Quem é Você?
2. Seu Jeito de Olhar
3. O Ponteiro tá Subindo
4. Não sou Passageiro
5. E se Eu Chegar?
6. Don't Let Me Misunderstood
7. Eu vi o Futuro
8. Bem Vinda ao Meu Pesadelo
9. Radinho de Pilha
10. O Mal Que Habita em Mim
11. Essa Linda Canção
12. O Poder
13. Esperando um Milagre
14. Forças Ocultas

Nenhum comentário: